Loading... (0%)

o-shh-01

Serviço de Hematologia e Hemoterapia de São José dos Campos (SHH) é um centro de excelência na área da saúde que trabalha dentro do máximo rigor científico e aplica recursos de última geração em todos os procedimentos que realiza nas áreas Hemoterápica (Banco de Sangue).

Possui certificação ISO 9001: 2015 e segue padrões internacionais que garantem a qualidade e a confiabilidade dos serviços que presta.

Éé responsável pelo suprimento de sangue e hemocomponentes aos principais hospitais e clínicas do Vale do Paraíba realizando, em média, 3,500  transfusões de sangue por mês.

A instituição tem uma atuação completa no ciclo do sangue realizando a Captação de Doadores, Coleta de Sangue, Produção de Hemocomponentes (plaquetas, plasma, crioprecipitado e concentrado de hemácias), Controle Sorológico e Imunohematológico e Distribuição de Hemocomponentes aos hospitais atendidos.

Conta atualmente com 9 agências transfusionais (onde são armazenadas as bolsas de sangue) instaladas nos maiores hospitais, entre ele o Hospital Municipal e o Hospital Regional de São José dos Campos. Nesses locais, os funcionários do SHH realizam os testes de compatibilidade sanguínea, garantindo que os pacientes recebam o sangue adequado, e monitoram eventuais reações advindas da transfusão.

o-shh-02
o-shh-03

LINHA DO TEMPO

Confira abaixo a história do SHH

2020

Mesmo em época de pandemia, o SHH registra um aumento de 16,4% no número de doadores comparando de janeiro a outubro de 2020 com o mesmo período do ano anterior.

•A participação das mulheres alcança recorde de 41% A presença das mulheres na doação de sangue dobrou nos últimos 20 anos. Em 2001, elas eram 21% dos doadores.

2019

O SHH introduz o controle microbiológico em 100% da produção de plaquetas
(hemocomponentes do sangue que auxiliam no controle de sangramentos). O
procedimento aumenta ainda mais a segurança transfusional.

2018

O SHH é recertificado pelo sistema de gestão ISO 9001, na nova versão 2015. A
recomendação abrange todos os processos realizados e consolida ainda mais
o compromisso da empresa de oferecer serviços de excelência,

2015

O SHH completa 35 anos de atuação, marcados pela prestação de serviços de excelência, qualidade e alta confiabilidade à comunidade do Vale do Paraíba e Litoral Norte.

2017

O SHH aumenta sua área de abrangência ao inaugurar uma agência transfusional no
Hospital da Unimed, em Lorena.

2014

O SHH implanta o padrão de identificação universal ISBT 128, espécie de documento de identidade da bolsa de sangue para aumentar a segurança e a rastreabilidade do sangue transfundido.

2013

A idade limite para doação de sangue é ampliada. Conforme portaria do Ministério da Saúde, o SHH passa a receber doadores entre 16 e 69 anos.

2011

O SHH passa a fornecer plasma para a Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobrás). O plasma é transformado em medicamentos usados no tratamento de portadores de hemofilia, pacientes com HIV e câncer atendidos pelo SUS.

2009

O SHH começa a convocar doadores por meio de SMS (torpedos).

● O SHH é o primeiro serviço hemoterápico do País a realizar o Teste de Ácido Nucléico (NAT) em 100% das bolsas de sangue coletadas, aumentando a segurança do sangue transfundido. O exame tornou-se obrigatório somente em 2014.

2008

O SHH inicia o envio de plasma (produto derivado do sangue) para a França para a produção de medicamentos.

2005

O SHH cria o primeiro Laboratório de Biologia Molecular do Vale do Paraíba

2003

O SHH cria o cadastro de doadores raros para atender pacientes com tipos sanguíneos diferenciados. A instituição mantém catalogados mais de 700 doadores com características incomuns no sangue.

2000

O SHH recebe a certificação ISO 9002 (atual ISO 9001:2008), tornando-se o primeiro Banco de Sangue do Vale do Paraíba e um dos poucos do Brasil com a qualidade assegurada em todas as etapas de seu trabalho.

1991

Com o crescimento populacional e o consequente aumento da demanda por sangue, o SHH constrói uma nova sede, pensando em cada fase do processamento do sangue. O prédio da Rua Antonio Saes é inaugurado no dia 21/6.

● No dia 27/7, um mês após a inauguração do prédio, são informatizados todos os processos – da chegada do doador até a liberação das bolsas de sangue.

1980

O SHH é criado no dia 19/5 a partir da associação entre os médicos Cláudio Pessoa de Melo e Djanete Barbosa de Melo, que já operava um banco de sangue dentro da Santa Casa de Misericórdia de São José dos Campos.

● No dia 10/8 é implantado o Centro de Hematologia do SHH e nasce o Serviço de Hematologia e Hemoterapia de São José dos Campos.

MISSÃO, VISÃO E VALORES

QUALIDADE E SEGURANÇA

Foco no cliente e rigor científico

QUALIDADE

Desde 2000, todos os processos realizados no SHH têm certificação de qualidade. Em agosto de 2018, a instituição foi recertificada na versão 2015 da ISO 9001 tendo como focos principais a satisfação do cliente, a melhoria contínua e a conscientização para a qualidade.

ESTOQUES

Possui estoques de sangue estratégicos garantindo o suprimento de sangue aos pacientes dos hospitais que atende.

TESTE DE ÁCIDO NUCLEICO

Realiza o Teste de Ácido Nucleico (NAT) para Hepatite B, Hepatite C e HIV em todas as bolsas de sangue desde 2009. O exame de biologia molecular aumenta a segurança do sangue transfundido e só passou a ser obrigatório no país em 2014.

POLÍTICA DA QUALIDADE

Os produtos e serviços prestados devem satisfazer as necessidades e expectativas das partes interessadas, através do atendimento da demanda, sem atrasos, adequados à Legislação vigente, buscando a melhoria contínua baseada no melhor conhecimento técnico-científico disponível, isto tudo, realizado dentro de princípios de racionalidade e economia”.

INFORMATIZAÇÃO

Todos os setores do SHH são informatizados e interligados, o que permite um alto grau de racionalidade, segurança e rastreabilidade em todos os processos executados. A instituição conta com um software próprio desenvolvido especificamente para a gestão do ciclo do sangue, desde a captação do doador até a transfusão.

AUTOMAÇÃO

A interferência humana é praticamente nula na área Laboratorial do SHH, garantindo assim a segurança nos resultados emitidos.

CÓDIGO ISBT

Para aumentar a segurança e a rastreabilidade do sangue transfundido, o SHH implantou o padrão de identificação universal ISBT 128, espécie de documento de identidade da bolsa de sangue. Por meio de um código de barras internacional, é possível obter informações sobre o sangue coletado como país, data, local da coleta, exames realizados, validade, classificação e descrição do produto.

Endereço

Rua Antônio Saes, 425 – Centro
CEP: 12210-040

Horário

Doações de Sangue

De Segunda a Sexta
das 7h às 12h30

Contato

Tel (12) 3519-3766
Whatsapp Banco de Sangue: (12) 98136-0011
E-mail: contato@shhsjc.com.br

São José dos Campos

Veja no Google Maps

Jacareí

Veja no Google Maps